Ensinando seu cachorro o comando “Venha”

Ensinando seu cachorro o comando “Venha”

Treinar seu cão para atender ao comando “Venha" pode levar um bom tempo e demandar treinamentos regulares. Mas vale a pena fazê-lo. Isso vai lhe poupar de algumas frustrações em suas caminhadas com seu cachorro e, em alguns casos, pode até salvar a vida dele. Além disso, ele vai impressionar todos os outros donos de cachorro que vocês encontrarem.


Quando você estiver pronto para tentar isso em casa, siga as nossas dicas.

1. Coleira com guia longa e nada de distrações
Tente isso em casa primeiro, num lugar onde não haja distrações. Você vai precisar de uma coleira com guia bastante longa, alguns petiscos ou um brinquedo, para recompensar o seu cão quando atender corretamente ao seu ensinamento.

2. Comece treinando seu cão preso à coleira
Mantenha o seu cão na coleira e diga a ele o comando “Senta". Então, segurando a guia em uma das mãos, ande para trás lentamente, afastando-se de seu cão. Pare e diga o comando "Venha". Se o seu cão for até você, recompense-o imediatamente, faça um elogio e ofereça um petisco. Repita este exercício quantas vezes achar necessário.

3. Variando o treinamento
Depois que seu cachorro estiver bem treinado nestes primeiros passos, você pode tentar algumas variações. Em vez de andar para trás, agache-se um pouco distante dele, abra seus braços e dê o comando “Venha”. Quando chegar até você, dê a ele um forte abraço e ofereça um petisco. Uma vez que seu cão responder de forma confiável a esse comando, você poderá tentar o exercício sem a coleira e em diferentes áreas da casa, que ainda não ofereçam distrações.
 
4. Praticando sem a coleira
A próxima etapa será levar o seu cachorro para um ambiente externo e continuar o treinamento. Escolha um local seguro, de preferência cercado para deixar seu cachorro sem a coleira. Pode levar várias semanas ou mesmo meses até que você esteja confiante de que seu cão entende totalmente o comando. Quando chegar a este ponto, aí sim, passe a exercitar o comando com seu cachorro, em áreas abertas, onde seja seguro deixá-lo sem a coleira.

Sempre termine cada sessão avaliando a evolução do processo. Se o seu cachorro não estiver evoluindo adequadamente, tente voltar uma etapa e reforçar essa fase um pouco mais.

Duas coisas a verificar:

1. Verifique o seu tom de voz
Observe o seu tom de voz durante o treinamento. Mesmo que você esteja com medo de que seu cachorro saia correndo pela rua, o seu comando deve soar claro e animador. Se o seu cão notar que você está em pânico, frustrado ou com raiva, ele só vai ficar confuso. Tente não repreendê-lo por não ter atendido ao comando, mas elogie e recompense-o cada vez que acertar.

2. Você está praticando em diferentes situações?
Às vezes, o seu cão vai simplesmente correr até você porque quer estar perto de você e não porque entendeu o que você está dizendo ou assimilou o comando. Por isso é importante treiná-lo para entender a sua orientação numa ampla variedade de cenários e situações, independente se ele consegue ou não ver você.